Inteligência Emocional


Algumas pessoas têm alta capacidade de lidar com as emoções e sentimentos, mesmo diante de situações desafiadoras, de ansiedade ou estresse. Essa capacidade de lidar bem (ou não) com as emoções pode ser medida e é chamada de inteligência emocional (QE). As pessoas que tem o QE elevado costumam ter comportamentos diferenciados, menos doenças e mais chances de sucesso em empreendimentos.

Veja abaixo quais são esses comportamentos:

1. Tenha uma certa rotina Pessoas emocionalmente inteligentes sabem que é necessário ter rotinas para dormir, se alimentar e fazer atividade física. Cada dia que passa seu corpo se acostuma e se torna cada vez mais fácil seguir praticas saudáveis. Se surpreenda com muitos hormônios sendo liberados com estas práticas.

2. Seja assertivo Saber nossos direitos e deveres nos ajudam a ter menos ansiedade. Pessoas Inteligentes emocionalmente sabem dizer não, são empáticos (se colocam no lugar dos outros), não são agressivas, etc.

3. Seja flexível As pessoas de alto QE, não se desesperam com as mudanças, sabem que são necessárias e são flexíveis pensando em alternativas. Pensar em muitas alternativas faz com que saiba resolver problemas com muito mais facilidade e rapidez.

4. Conheça suas características e gostos Conhecer seus pontos fortes e suas fraquezas e utilizá-los para seu pleno desenvolvimento é outro comportamento comum de pessoas com inteligência emocional alta.

5. Ria de você mesmo! A pessoa que consegue rir de si mesmo, que não se ofende com brincadeiras e até mesmo críticas é uma pessoa emocionalmente bem-dotada pois é AUTOCONFIANTE.

6. Mude, não espere mudança do outro! Outra característica comum à inteligência emocional alta é a capacidade de ver os próprios erros, corrigi-los ou abandoná-los. Não significa esquecer seus erros, pois se aprende com eles, mas não cometer os mesmos erros novamente.

7. Não guarde ressentimentos Guardar rancor faz a pressão arterial subir e causar problemas cardíacos. As pessoas emocionalmente inteligentes sabem que devem evitar a todo o custo.

8. Não seja perfeccionista e exigente consigo e com os outros. Sabem que a perfeição não existe e não perdem tempo procurando por ela. Sabem também que buscar a perfeição que não existe, lhes deixará sempre com a sensação de fracasso e tira seu ânimo para avançar.

9. Tenha pensamentos positivos Pessoas que buscam diariamente cultivar uma atitude de gratidão e ter pensamentos positivos, notam melhora do humor, energia e bem-estar físico através da redução do cortisol.

10. Descanse e tenha lazer! A qualquer custo. Não negligenciam seu tempo “off-line”, pois sabem que é fundamental para enfrentar a rotina e ter boa saúde. Lazer e hobbys geram serotonina, hormônio da felicidade!

11. Limite a cafeína ou outras substancias Cafeína é um estimulante cerebral útil se você precisa de uma resposta do tipo: fugir ou lutar. O que é ótimo, se você está diante de um rinoceronte, mas totalmente desnecessário se for para responder a um e-mail. Indivíduos de alto QE sabem que a cafeína é um problema e não se deixam escravizar por ela. Nem por qualquer outra substância ou hábito.

12. Tenha um sono adequado Pessoas com alto QE são assim por justamente dormirem o necessário. O sono recarrega o cérebro e limpa as memórias desnecessárias do dia através do sonho e armazena as necessárias. Seu cérebro fica alerta e “afiado”. Por isso, sono para pessoas assim é prioridade.

Por: Cintia Meneghini – Psicóloga, especialista em Psicoterapia Cognitivo Comportamental e Hipnoterapia e palestrante.

#InteligênciaEmocional #Psicóloga

4 visualizações

Balneário Camboriu e Itajai 

Santa Catarina

ci.meneghini@gmail.com

Tel: (47) 9 682.6672

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • LinkedIn - Grey Circle

© Cíntia Meneghini Lipke